OLÁ A TODOS, AO ENTRAR PELA 1ªVEZ NESTE BLOG, DEVEM IR AO ARQUIVO do LADO DIREITO E CLICAR em JANEIRO, DEPOIS NA DATA DE 23 E IR AO FIM DA PÁGINA PARA COMEÇAR A LER O 1º POST , A MINHA VIDA COM A DIABETES. " O INÍCIO HÁ 23 ANOS"
Domingo, 24.01.10

 

 


Sabem porque é que este cachorrinho está triste ?
Também é diabético e toma insulina.
Sabiam que os cães podem apanhar diabetes? Alguns dos casos com diabetes:

 

 

 

 

A Lassie é uma cadela com 13 anos que começou a beber mais água que o normal. Passou obviamente a urinar com mais frequência e a dona verificou que o animal andava inquieto. O dono do Jack apercebeu-se dos primeiros sinais de urina com sangue quando ele tinha cerca de 6 anos de idade. A Tucha tinha 10 anos quando começou a perder o apetite, emagrecer e a ficar fraca dos membros posteriores. O que é que estes três cães têm em comum? Diabetes mellitus, doença que traduz um excesso de açúcar no sangue e que pode afectar cães, gatos e humanos.

 

Muitas pessoas ao ouvir este diagnóstico ficam alarmadas e podem mesmo pensar que o seu querido animal não tem mais hipóteses! Mas o Jack p.ex, actualmente já tem 8 anos de idade e tem uma boa qualidade de vida. Novas investigações a nível dietético e o uso de certos minerais, têm ajudado a reduzir as doses diárias necessárias de insulina, melhorando a saúde dos pacientes. Em breve poderá estar disponível tratamento de insulina via oral, o que muitos donos, que têm aversão a agulhas, com certeza vão apreciar! Porque é que alguns cães desenvolvem esta doença?
Qualquer cão pode contrair diabetes, mas os riscos aumentam entre os 7 e os 9 anos de idade. As fêmeas têm o dobro da tendência que os machos. Serem ou não castrados não influi
em nada. Animais obesos têm definitivamente maior tendência do que os mais magros. De facto, manter o cão com o seu peso ideal talvez seja o factor mais importante na prevenção da diabetes.

 

Diabetes mellitus não é tão comum em gatos, quanto em humanos. Ocorre principalmente em gatos de meia idade ou idade avançada e obesos, mas qualquer gato que apresente sintomas de fome excessiva, perda progressiva de peso, sede e urina em excesso, deve ser vigiado.

   

 

A doença ocorre devido a incapacidade das células do pâncreas em segregar insulina o suficiente.
A insulina é necessária, para que as células do corpo retirem a glicose da corrente sanguínea e a metaboliza
em energia. Portanto, nos diabéticos, o açúcar do sangue permanece alto. O limite normal está em torno de100mg.
Com o tempo, a diabetes não controlada causará diversos problemas no gato.
Os principais sinais no gato são: fome excessiva e por mais que coma continua a emagrecer, porque não consegue absorver nutrientes.
Além da perda de peso, outro sinal é o aumento da sede e urina.

O diagnóstico da diabetes é feito pela dosagem de glicose no sangue e na urina.
A diabetes só é fatal se não for tratada.
Um pequeno número de gatos pode ser tratado apenas com dieta e medicação oral, mas a maioria necessita de injecções de insulina. Existe no mercado rações especiais para animais diabéticos.

A administração de insulina não é tão ruim quanto parece. A agulha é muito fina e a maioria não reage.
A dose de insulina depende de cada caso, e no início do tratamento, o veterinário irá determinar a dose que seu gato precisa.
Ele terá que ser internado, para que o veterinário possa aos poucos determinar qual a taxa de insulina diária que ele necessita. O internamento é  necessário  porque uma  dose alta de insulina causa hipoglicemia , que pode matar o animal se não tratada rapidamente.
Cada animal tem a sua dosagem própria e esta precisa ser determinada através da administração da insulina, com testes de sangue e urina para medir a quantidade de glicose. Assim, a dose diária de insulina que ele necessitará será determinada.
O início do tratamento com insulina deve ser cauteloso. Alguns gatos podem apresentar choque insulínico com apenas 1 unidade de dose, mesmo estando com a glicemia alta. Por isso o internamento é necessário até a dose ser acertada.
Normalmente começa com 1 unidade de insulina até chegar á dose correcta.
Mesmo após a determinação da dose de insulina, terá que ter sempre em casa glicose, para que ao primeiro sinal de hipoglicemia ,  passe nas gengivas do animal, para o levar de imediato ao veterinário. Com o tempo ê vai- se habituar e conhecer bem a doença e como ela se manifesta no seu gato.


Uma boa avaliação para se fazer em casa é com aquelas fitas que se compra na farmácia, para teste de glicose na urina. Quando chega a aparecer glicose na urina, é porque a taxa de glicose no sangue já está bem acima do normal.

Se o seu gato foi diagnosticado com diabete, s leve em conta que: Sem tratamento adequado ele morrerá; ele não sentirá as injecções de insulina; a insulina é gratuita.
Se você e o veterinário trabalharem em parceria ,o  seu gato viverá por muitos anos.

A diabetes é mais comum em gatos com hipertiroidismo. 
O simples tratamento para hipertiroidismo, não ajuda a tratar a melhorar a diabetes e pode mesmo piorá-la. O ideal é tratar para as duas doenças. 
O Tratamento para hipertiroidismo em gatos também é delicado, discuta com o seu veterinário qual seria a melhor forma de o fazer.

A diabetes pode causar neuropatia e fraqueza dos membros posteriores, assim como problemas circulatórios como embolias, que ocorrem quando o hipertiroidismo causa cardiomiopatia e pressão alta. Algumas vezes os problemas circulatórios ocorrem como consequência directa da diabetes.

A Neuropatia Diabética é decorrente de diabetes não controlada. Causa fraqueza nos membros posteriores, mas o gato consegue andar.

Frequentemente, essa fraqueza faz com que os gatos não andem mais na ponta dos pés e toquem parte do membro posterior no chão. Ele pode voltar a andar normalmente com o uso de insulina.

 

 

 

 

 

APB diabeticaparadiabeticos às 15:30 | link do post | comentar |  O que é? | adicionar aos favoritos
Felippa Lobato a 5 de Fevereiro de 2010 às 10:31
Bom dia, muito lhe agradeço a sua informação que colocou na net.

Gostaria de saber aonde é possível obter a insulina gratuitamente pois tenho uma gata diabética há já 5 anos a tenho sempre comprado as seringas e a insulina.

Muito lhe agradeço a sua resposta.

Votos de felicidades

Felippa
diabeticaparadiabeticos a 5 de Fevereiro de 2010 às 12:11
Olá Felippa, obrigada pelo seu interesse por este blog, sobre a sua gata, a pessoa mais indicada será o veterinário ou até mesmo a sua médica de família, mas tenho uma amiga que tem um cão diabético e foi o veterinário que lhe tratou de tudo, ficará mais esclarecida, depois diga-me e exponha como correu, ok? Tudo de bom.
Jane a 29 de Maio de 2010 às 00:17
Olá gostaria de saber se podemos dar algum tipo de chá para minha cachorrinha, pois descobrimos há 1 semana que ela tem diabetes bebe muita água e faz muito xixi, estou muito triste com o fato de ter que dar insulina, caso o chá de pata de vaca branca ou chá de amora sirva seria de grande valia. (humanos tomam esse chá e ficam bem).
Desde já agradeço a atenção e muito obrigada.
diabeticaparadiabeticos a 29 de Maio de 2010 às 13:10
Olá Jane, eu sinceramente não sabia que esses chás faziam bem e aqui fica a dica e vou experimentar :) sobre a cachorrinha não tenho a certeza, mas ela vai ter que levar injecções sim, mas fale sobre o chá ao médico, ele de certeza que saberá aconselhar bem, depois vá dando notícias e as melhoras :)
Paula a 13 de Março de 2013 às 16:49
Preciso de ajuda! Meu poodle está com diabete e eu não tenho como pagar as insulinas , por favor nos oriente onde posso encontrar gratuitamente. Ele está internado no hospital gratuito e vou ter que passar os outros irmãos dele em triagem para saber se não tem diabete neles também. estes poodle deixaram conosco porque a pessoa quis vende-los e rifa-los e não conseguiu, por dó acabei ficando com um e o outro ninguém quis acabei ficando com ele e logo após 3 semanas não sabiam o que fazer com a femea e ela não se adaptou a outros lares, enfim acabei ficando com todos por dó de separar os irmãos.Agora estou com os 3. Devido condições financeiras precárias estão sem vacina a mais de 2 anos, agora vou ter que dar as vacinas também, alguém pode me indicar ao menos as insulinas gratuitas? Por favor peço que nos ajude ou oriente onde posso encontra-las gratuitamente, grato Paula.
diabeticaparadiabeticos a 14 de Março de 2013 às 10:51
Olá, diga-me se está a morar em Portugal?
Se quiser falar comigo em privado, mande mensagem para o meu mail:
paulaoeiras@hotmail.com
Paula a 14 de Março de 2013 às 17:10
Infelizmente não moro em Portugal estou no Brasil, e nem sei se meu cachorro vai sobreviver. Ele está internado no hospital de São Paulo que é o único gratuito, e não está nada bem... Eles já conseguiram controlar a diabete, só que infelizmente veio a cair muito hoje , não come nada e vomita muito. O pouco que colocaram para ele vomitou a noite toda. Sinto muito a falta dele apesar de ter os 2 irmãozinhos comigo, mas enfim, quero que ele fique curado e não sofra mais, só isso.
diabeticaparadiabeticos a 13 de Abril de 2013 às 20:35
Lamento mesmo :(
diabeticaparadiabeticos a 13 de Abril de 2013 às 20:39
É assim, em Portugal os diabéticos tem as insulinas gratuitas, os animais acho que também, nas clínicas eles devem dar, mas aos doentes dessa clínica, eu nunca tive um caso de animais com diabetes e nunca falei com ninguem sobre as insulinas, Estes post que eu coloco são tirados da net, são realmente verdadeiros.
Se eu souber algo mais informo :(
Maria José a 18 de Novembro de 2013 às 12:34
Bom dia

Infelizmente a insulina em Portugal para animais não é gratis, eu tenho uma despesa mensal de insulina de 50€, fora as seringas. Foi diagnosticado a minha Maguy em Novembro do ano passado e ainda não consegui controlar a diabétes, é mt complicado e eu faço tudo direitinho.
marilia almeida a 20 de Maio de 2013 às 21:28
ola
o meu gato tbem é dependente de insulina,2 vezes ao dia.
quando preciso medir a glicose tenho de ir ao vet o que se torna dispendioso.
Consegui arranjar o aparelho para fazer medição.
podem me ajudar ? como vou fazer ? onde tiro o sangue ?
obr
diabeticaparadiabeticos a 27 de Maio de 2013 às 18:35
Olá Marília, não a posso ajudar, pergunte ao VET ele poderá ajudar :)
Bj
maria José a 18 de Novembro de 2013 às 12:40
Olá Marilia,

Em Portugal os glucometros são gratis nas farmacias, tente picar no lobulo da orelhita para obter uma gota de sangue, é assim que faço com a minha cadela, espero ter ajudado.
Eva a 17 de Junho de 2013 às 03:20
OLA BOA NOITE EM JANEIRO DESCOBRI QUE MINHA CACHORRINHA ESTA COM DIABETE FOI TUDO MUITO RAPIDO, RECEBI O RESULTADO NA MESMA SEMANA ELA JA FICOU CEGA, ELA ESTA TOMANDO CROMO DOG, MAS ACHO QUE VAI SER PRECISO TOMAR INSULINA MAS ESTOU COM MEDO, QUERIA SABER SE JA ACONTECEU ALGUMA VEZ DE ALGUM CACHORRO NA PRIMEIRA DOSE POR ALGUM MOTIVO MORRER, TO COM MEDO DA REAÇÃO A MINHA ELA SE ALIMENTA NORMAL, FAZ TUDO NORMAL, A UNICA COISA RUIM PE BEBER MUITA ÁGUA E FAZER MUITO XIXI E TA BEM MAGRA, TO COM MEDO DA REAÇÃO DA INSULINA
diabeticaparadiabeticos a 17 de Junho de 2013 às 17:36
Olá Eva, lamento pela sua cachorrinha :( mas acredite, se ela tivesse começado a tomar insyulina há mais tempo, nem cegava, a insulina não mata, dá vida :)
Espero ter ajudado, bjs
blogs SAPO
pesquisar neste blog
 
arquivos
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
28
29
últ. comentários
Olá Marilia,Em Portugal os glucometros são gratis ...
Bom diaInfelizmente a insulina em Portugal para an...
Olá eu tenho 27anos e tenh am insufici&ecir...
Alguém sabe quanto custa a caneta em Portugal por ...
Pessoal boa noite sou bibliotecária e pesquisei ba...
Olá Eva, lamento pela sua cachorrinha :( mas acred...
OLA BOA NOITE EM JANEIRO DESCOBRI QUE MINHA CACHOR...
Olá Marília, não a posso ajudar, pergunte ao VET e...
Olá, sobre esse assunto eu pessoalmente não noto d...
Gostaria de saber se goji berry faz com que a pess...
olao meu gato tbem é dependente de insulina,2 veze...
É assim, em Portugal os diabéticos tem as insulina...
Lamento mesmo :(
Infelizmente não moro em Portugal estou no Brasil,...
Olá, diga-me se está a morar em Portugal?Se quiser...
Posts mais comentados
blogs SAPO