OLÁ A TODOS, AO ENTRAR PELA 1ªVEZ NESTE BLOG, DEVEM IR AO ARQUIVO do LADO DIREITO E CLICAR em JANEIRO, DEPOIS NA DATA DE 23 E IR AO FIM DA PÁGINA PARA COMEÇAR A LER O 1º POST , A MINHA VIDA COM A DIABETES. " O INÍCIO HÁ 23 ANOS"
Quarta-feira, 07.09.11

 

Seguem-se alguns conselhos úteis e informações que vão de encontro a uma vida mais equilibrada, saudável e que podem aumentar a sua qualidade de vida, diminuindo o seu risco de adoecer bem como dos que o rodeiam. O conhecimento é a chave da prevenção!


Sabia que:


O chá preto e o chá verde contêm bioflavonoides, componentes que protegem os vasos sanguíneos prevenindo os Acidentes Vasculares Cerebrais. Beba quatro chávenas por dia! Se for hipertenso vigie a sua tensão arterial e veja se sofre alterações.



O leite quando misturado com o chocolate e principalmente com o café, impede que o cálcio seja absorvido e por outro lado formam-se umas estruturas denominadas oxalatos de cálcio que podem aumentar o risco de pedras nos rins.


Fadiga, depressões, anemias e doenças cardiovasculares, são evitadas pelo consumo de algas na alimentação. Introduza-as na sua alimentação.


O excesso de irritabilidade e fúria, tem uma relação directa com o funcionamento do fígado, dificultando o funcionamento do mesmo, ou revelando que este não está a trabalhar muito bem. Este conhecimento que chega até nós através da Medicina Tradicional Chinesa, vai de encontro com a nossa popular frase: “Estás com maus fígados”!


Se aumentar o consumo de nozes, vai promover um melhor funcionamento cerebral, aumenta a sua capacidade de concentração e memória. As nozes são ricas num tipo de gordura, que é muito importante para o funcionamento do nosso organismo. A sua saúde intestinal vai ser também beneficiada. Coma 3 nozes por dia!


O reumatismo, a gota, o cancro, a apendicite, entre outros, são em grande parte causados pelo consumo regular de carne vermelha.


APB diabeticaparadiabeticos às 18:06 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 05.09.11

É fã de chocolate? Não abdica de um quadradinho - ou uma barra inteira - todos os dias? Então saiba que os remorsos que sente, fruto dos excessos, podem em breve ser infundados. É um estudo científico que deixa a esperança para os amantes do também conhecido ouro negro, ao revelar que comer este doce pode ajudar a cuidar a saúde do coração.

 

 
É oficial: o consumo elevado de chocolate está associado a uma redução de um terço no risco de vir a sofrer de doenças do coração. É pelo menos esta a garantia dada por um estudo publicado no site bmj.com e apresentado no congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia. O trabalho vem confirmar a suspeita lançada por outros estudos. Mas fica a ressalva: a investigação deve continuar para comprovar que é realmente o chocolate o responsável pela redução verificada.
 

Afinal, o que é que o chocolate tem, para além do conforto proporcionado pelos quadradinhos negros, que é capaz de afastar muitos amargos de boca? A culpa parece ser das suas capacidades antioxidantes e anti-inflamatórias, que incluem a redução da pressão arterial.

 

A informação não é nova, dirão muitos, sobretudo os amantes do já chamado ouro negro. Foi o que pensaram os investigadores da Universidade de Cambridge, que decidiram que o tema merecia um olhar mais atento, debruçando-se sobre milhares de páginas de trabalhos que já tinham sido desenvolvidos.

 

Ao todo, analisaram sete estudos, que envolveram mais de cem mil pessoas com e sem problemas cardíacos. Para cada estudo, compararam o grupo que mais consumia chocolate com os que não o faziam. E cinco estudos reportaram uma ligação positiva entre o chocolate e o risco de problemas cardiovasculares.

 

No entanto, não corra já para as prateleiras dos doces. Como em tudo, também aqui há que moderar. É que, ainda segundo a mesma fonte, já que o chocolate tende a ser muito calórico (cerca de 500 calorias por cem gramas), comer muito pode ter consequências na balança - e na linha - e, ao mesmo tempo, contribuir para um aumento do risco de diabetes.

Mas tendo em conta os benefícios encontrados, os especialistas consideram que se devem aumentar as iniciativas que visam uma redução do conteúdo de açúcar e gordura presentes nos chocolates. Quem sabe um dia o melhor remédio não poderá ser mesmo... comer um chocolate.

APB diabeticaparadiabeticos às 12:40 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 02.09.11

 

“O que é verde é bom, disso não há dúvida, mas há uns verdes melhores do que outros, e nesta área quanto mais escuro, melhor. Por isso, continue a juntar o verde às suas sandes, mas troque de ingrediente. Em vez de usar uma folha de alface tipo iceberg, aquela variedade quase branca e de sabor demasiado suave, use espinafre... e não pense já que o espinafre tem de ser cozinh...ado e só o velho esparregado ou a sopa é que são comestíveis. O espinafre cru e fresco tem um sabor intenso muito agradável que substitui na perfeição outros vegetais para saladas, ou é excepcional para complementar alface e dar-lhe um toque exótico e requintado. Para mais, uma chávena de espinafre fresco é muito rica em folato, ou ácido fólico, que ajuda a reduzir o risco de ataque cardíaco.

Há outra coisa que pode acrescentar às saladas e aos legumes, crus ou cozinhados: nozes e amêndoas. Claro que são alimentos calóricos e, por isso, devem ser consumidos com moderação, mas são excelentes fontes de vitaminas, minerais e anti-oxidantes. A amêndoa, por exemplo, é rica em vitamina E, um anti-oxidante de eleição, que além de promover a juventude ajuda a reduzir o risco da doença de Alzheimer em cerca de 70%, segundo um estudo do National Institute on Aging, dos Estados Unidos.

Estes são apenas truques para usar no dia-a-dia, de forma a substituir ingredientes pobres por outros mais ricos ao mesmo tempo que se dá alegria ao paladar. No entanto, nunca é demais recordar que a melhor forma de termos uma alimentação equilibrada e adequada às nossas necessidades reais é recorrer ao conselho de um especialista em Nutrição, que pode, através da nossa história de vida, prescrever um plano personalizado e em sintonia com o nosso ritmo, o nosso tempo e o nosso peso e medida.” – Humberto Barbosa
 
APB diabeticaparadiabeticos às 19:20 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos
blogs SAPO
pesquisar neste blog
 
arquivos
Setembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
últ. comentários
Olá Marilia,Em Portugal os glucometros são gratis ...
Bom diaInfelizmente a insulina em Portugal para an...
Olá eu tenho 27anos e tenh am insufici&ecir...
Alguém sabe quanto custa a caneta em Portugal por ...
Pessoal boa noite sou bibliotecária e pesquisei ba...
Olá Eva, lamento pela sua cachorrinha :( mas acred...
OLA BOA NOITE EM JANEIRO DESCOBRI QUE MINHA CACHOR...
Olá Marília, não a posso ajudar, pergunte ao VET e...
Olá, sobre esse assunto eu pessoalmente não noto d...
Gostaria de saber se goji berry faz com que a pess...
olao meu gato tbem é dependente de insulina,2 veze...
É assim, em Portugal os diabéticos tem as insulina...
Lamento mesmo :(
Infelizmente não moro em Portugal estou no Brasil,...
Olá, diga-me se está a morar em Portugal?Se quiser...
Posts mais comentados
blogs SAPO